22 de outubro de 2016

"Não tem nada meu aí?"


Aí teve aquela cena também, de quando eu fui te dar tchau.

(…) E você olhou e me perguntou:

"Não to esquecendo nada?" 

E eu quis gritar:

"Tá, tá esquecendo de mim." 

E você depois perguntou:

"Não tem nada meu aí?" 

E eu quis gritar:

"Tem, tem eu. Eu sempre fui sua." 

Tati Bernardi

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...