25 de setembro de 2016

Separe-se com amor a si mesma, no mínimo.


Achou estranho?

Talvez não seja tanto.

Há gente que manipula, inventa, se sobrepõe aos fatos, para vitimização coletiva.

É uma tristeza, infelizmente, enxergar que a maioria desse comportamento ainda é feminino.

Mulheres sem M maiúsculo que usam filhos e netos para atingir o ex-parceiro.

Pior que não saber terminar as histórias é tratar os afetos que lhe restaram como moeda de troca.

Faça isso não. É feio!

Além de feio, comprova o porquê das suas lágrimas terem gosto de vingança, jamais de sentimento que demonstre alguma decência no que restou de você.

Cláudia Dornelles

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...